Forks de criptomoedas. Quais são os benefícios para o usuário final

cripto forkO choque de ideias, uma força motriz por trás de cada progresso, afeta as criptomoedas da mesma maneira que outras coisas no mundo. Apesar de uma natureza diferente das moedas digitais, as ambições de regulação do negócio e de moldar o futuro da blockchain são evidentes. Se uma parte de uma comunidade de criptomoedas estiver insatisfeita com as regras atuais, ela poderá sair da moeda e continuar com uma nova moeda.

Um fork é um termo que descreve uma situação em que uma blockchain da moeda original é dividida em duas ramificações incompatíveis. Uma moeda existente dá origem a uma nova. A razão por trás de um fork é, frequentemente, a aspiração da comunidade em estabelecer regras diferentes. Isso pode incluir:

  • redução do potencial de mineração da criptomoeda,
  • ajuste de parâmetros técnicos de uma transação (o primeiro hard fork da bitcoin),
  • esforços para recuperar um dano causado por um ataque cibernético (reverse fork da Ethereum depois de um roubo de dezenas de milhões de dólares),
  • tentativa de convidar uma multinacional para impor regulamentações.

A divisão de uma moeda original pode ser feita por qualquer pessoa. Tudo o que precisa ser feito é baixar um código relevante (no caso da Bitcoin, você pode encontrá-lo na plataforma GitHub) e ajustar a blockchain. Se o autor da nova criptomoeda conseguir persuadir um grande grupo de usuários a minerar e realizar transações, haverá uma chance da nova moeda criar raízes.

Você sabia: O fork da Ethereum resultou em duas novas moedas, Ethereum e a versão mais antiga: Ethereum classic. O mercado atual de capitalização da nova versão é 28 vezes maior do que a da moeda antiga.

Hard fork versus soft fork: Quais são as diferenças

own-crypto

Qualquer pessoa com um conhecimento mínimo de programação pode criar uma moeda

Há sempre uma certa quantidade de novas moedas criadas pela divisão permanente da criptomoeda original. Isso é chamado de hard fork e funciona com base no princípio de cópia da blockchain original ao introduzir novas condições de transação. Ambas as blockchains (da nova e da antiga criptomoeda) compartilham a história e coexistem uma ao lado da outra independentemente.

Devido às semelhanças entre as duas moedas, as transações realizadas com uma blockchain geralmente são “registradas” na outra. Em teoria, uma criptomoeda pode receber uma quantidade idêntica da outra criptomoeda. A proteção contra repetição é uma ferramenta para protegê-lo de tais ações. Inclui repetição e verificação de uma transação. Se a transferência não estiver de acordo com a nova transação de criptomoeda, a transação será invalidada.

Soft fork, uma mudança no protocolo da criptomoeda, é uma parte inseparável da existência de criptomoedas. Os soft forks ocorrem para validar blocos recém-extraídos de um software antigo.

Histórico dos forks da Bitcoin

Bitcoin, a mais antiga de todas as criptomoedas, passou por dois hard forks principais. Junto com esses dois, há muitos outros forks com impacto mínimo (como a Bitcoin Diamond, etc.).

O primeiro hard fork ocorreu em agosto de 2017, após o esforço de aumentar a quantidade de transações durante o processo de verificação. Quanto à bitcoin, o tamanho é limitado em 1 MB. O software verifica, em média, três transações por segundo. Com o crescente número de transferências, o tempo médio continua crescendo, assim como os custos. As pessoas que desejam obter um serviço rápido devem pagar os mineiros pela capacidade computacional.

A nova Bitcoin Cash (BCH) realiza 8 vezes mais transações por segundo do que a antiga. Por outro lado, não é tão confiável quanto sua irmã mais velha. Enquanto o valor da bitcoin em meados de fevereiro de 2018 era de R$ 41.000, a Bitcoin Cash era negociada a um preço 7 vezes menor.

O segundo fork da Bitcoin Gold (BTG) segue a ideia original de criar uma moeda descentralizada. Esta é uma resposta à concentração contínua de mineração nas mãos de alguns grandes centros. Em 18 de fevereiro de 2018, o valor da BTG era de R$ 539.

bitcoin-forks

Dois principais forks em 2017

Impacto no usuário final

A divisão de uma criptomoeda não significa que você perderá seu dinheiro digital. Depois de copiar a blockchain, você continua sendo o proprietário de uma chave criptográfica em sua carteira. A menos que você use aplicativos de terceiros, as novas moedas permitem que você faça transações.

Depois de um hard fork, todos os proprietários da moeda original recebem o mesmo valor da nova moeda. Isso, no entanto, não significa que o valor das moedas que você possui dobrou. Como você pode ver, a taxa de câmbio da BCH e da BTG é 7 s e 76 vezes menor, respectivamente.

Rate this post

Autor

J. Pro

Mais sobre J. Pro

Ao contrário do Stephen (o outro autor), ultimamente eu tenho pensado principalmente nos negócios online. Eu não tinha muito sucesso com dropshipping na Amazon e outras formas de ganhar dinheiro online, e só ganhava algumas centenas de dólares por ano. Mas então, as opções binárias chamaram minha atenção pela sua simplicidade. Agora fico feliz com isso, porque realmente vale a pena. Mais postagens

Navegação por comentários

Aviso Geral de Risco:
Os produtos financeiros oferecidos pelas empresas mencionadas apresentam um alto nível de risco e podem resultar na perda de todos os seus fundos. Você nunca deve investir dinheiro que você não pode perder.
Copyright © 2019. Todos os Direitos Reservados. Opções Binárias