Criptomoeda Monero – Aborda o aninomato?

Criptomoeda MoneroEm seu site oficial, a Monero é apresentada como uma criptomoeda segura, privada e não rastreável. A Monero usa um tipo especial de criptografia para manter todas as transações 100% não rastreáveis e, portanto, anônimas.

Embora a bitcoin seja chamada de “criptomoeda anônima”, isso não é absolutamente verdade. Leia mais para descobrir qual é a diferença entre as duas moedas.

Em poucas palavras, a Monero tem código aberto e é acessível a todos. Não usa nenhum servidor central para registrar todas as transações. Um dos principais benefícios é o baixo custo. Quanto mais transações na rede, menor a taxa. Todas as transações são armazenadas em intervalos de dois minutos em um bloco e depois são juntas em um blockchain – semelhante ao litecoin. As transações são validadas através da mineração, assim como com outras grandes criptomoedas.

História da Monero

Todos sabem que a Bitcoin foi criada em 2009. Em 2012, foi seguida por uma “rival” Bytecoin, a primeira implementação real do CryptoNote. (CryptoNote é um protocolo subjacente usado para a criação de várias criptomoedas, muito semelhante ao usado pela bitcoin).

O problema era que 80% das moedas eram pré-minadas pelos autores dessa criptomoeda. Esta foi uma má notícia para a Bytecoin. Portanto, foi decidido dividir a moeda e criar uma nova, chamada Bitmonero, mais tarde abreviada para Monero. Este novo blockchain adiciona um novo bloco a cada dois minutos, cerca de cinco vezes mais rápido que a bitcoin.

A Monero é controlada por uma equipe principal de sete desenvolvedores, cinco anônimos e dois que revelaram suas identidades: Davida Latapie e Riccardo Spagni.

No segundo semestre de 2017, você deve ter notado um fenômeno estranho: sites de mineração Monero. O caso foi que alguns administradores da web instalaram um código javascript em seus sites, o que levou ao uso ilegal dos computadores de seus visitantes. Ao navegar pela internet e ler textos nos sites, os visitantes minavam a criptomoeda, que acabou nos bolsos dos proprietários dos sites.

O que a Monero tem de único?

A Monero se tornou popular graças a algumas características únicas:

  1. Seu dinheiro é somente seu.
    É só você quem controla suas transações. Sua identidade fica segura e ninguém pode rastrear para o que você usou seu dinheiro, onde você conseguiu e quanto você tem. Ao contrário da bitcoin.
  2. Monero é resistente ao ASIC.
    Isso não significa que é resistente no verdadeiro sentido da palavra. Dado o algoritmo subjacente do Monero, CryptoNote (que usa um sistema de hash chamado CryptoNight), o minerador ASIC seria tão caro que a produção não compensaria.

Monero vs. Bitcoin

Ao contrário da bitcoin que ostenta sua abertura, o que significa que suas transações podem ser rastreadas até a origem por qualquer pessoa a qualquer momento, a missão da Monero é ser absolutamente anônima. Todas as transações são ocultas. Nenhum minerador, governo, polícia, nem mesmo sua mãe verá nenhuma delas.

O blockchain da Monero não tem limite e é dinamicamente escalável. Ao contrário da bitcoin, Monero desfrutou de um crescimento estável e a longo prazo. Novas moedas estão sendo inseridas na rede. A Monero suporta apenas algumas carteiras de hardware. As taxas de transação são baixas. Ao mesmo tempo que com a bitcoin a taxa cresce com o número de transações, com a Monero é o oposto.

Preço/valor da Monero

Como já mencionado, a Monero tem crescido constantemente por um longo período de tempo. Criada após um fork da Bytecoin. O tempo de mineração foi reduzido de 120 para 60 segundos e a recompensa pela mineração diminuiu para metade. Mais tarde, o tempo de mineração voltou a ser 120 segundos e a recompensa dobrou. Após seu lançamento, especuladores fizeram o valor cair para alguns dólares. Menor demanda resultou em uma queda. Poucos meses depois, a criptomoeda se recuperou e estabilizou em 2 BRL/XMR. No ano seguinte, o valor da XMR oscilou entre R$ 0,80 e R$ 3,90.

2016 foi um ano de grande avanço. A taxa cresceu fortemente devido, principalmente, à negociação ilícita na AlphaBay. Em 2016, o valor disparou em 2760% (bitcoin 119%). A tendência ascendente continuou em 2017. No final de maio, a empresa admitiu que havia uma grande falha no sistema que permitia gerar um número ilimitado de moedas. O mercado reagiu caindo de 230 para 115 reais. Depois disso, a taxa retornou rapidamente ao nível anterior e continua a crescer.

Onde e como comprar Monero

Você pode comprar Monero on-line por meio de bolsas como Bitfinex ou Binance ou por meio de mineração. Para manter suas moedas seguras, você pode baixar uma carteira no seu PC ou usar uma carteira online My Monero. Existem também várias carteiras para smartphones, mas estas não são confiáveis. Ao criar uma carteira, você receberá uma chave privada que deverá manter em um local seguro. Monero é divisível em 12 casas decimais. A menor unidade é o piconero. Estima-se que nos próximos oito anos o número de moedas atinja 18,4 milhões.

Postagens relaionadas:

Rate this post

Autor

J. Pro

Mais sobre J. Pro

Ao contrário do Stephen (o outro autor), ultimamente eu tenho pensado principalmente nos negócios online. Eu não tinha muito sucesso com dropshipping na Amazon e outras formas de ganhar dinheiro online, e só ganhava algumas centenas de dólares por ano. Mas então, as opções binárias chamaram minha atenção pela sua simplicidade. Agora fico feliz com isso, porque realmente vale a pena. Mais postagens

Navegação por comentários

Aviso Geral de Risco:
Os produtos financeiros oferecidos pelas empresas mencionadas apresentam um alto nível de risco e podem resultar na perda de todos os seus fundos. Você nunca deve investir dinheiro que você não pode perder.
Copyright © 2019. Todos os Direitos Reservados. Opções Binárias